<p>Lavagem completa do corpo</p>

Lavagem completa do corpo

Controlo da infeção bacteriana originada na pele do paciente

Um potencial risco em qualquer cirurgia é a infeção das feridas cirúrgicas por bactérias provenientes da flora natural da pele do próprio paciente. Existe uma relação significativa entre culturas positivas na pele e as taxas de infeção das feridas, o que sugere que a pele é uma possível fonte de contaminação.1

No bloco operatório, todo os profissionais e o equipamento foram submetido a um rigoroso procedimento de desinfeção antes do início da cirurgia. O local cirúrgico está limpo. Contudo, a menos que o paciente tenha executado o processo de lavagem completo do corpo e desinfetado a pele, o mesmo não pode ser dito do corpo do paciente. O procedimento de lavagem completa do corpo e de limpeza da pele é a forma mais segura e eficiente de desinfetar o corpo do paciente.

 

Incorporar a lavagem completa de corpo com HiBiClens®, juntamente com um unguento nasal, pode reduzir o risco de infeções hospitalares por Staphylococcus aureus em quase 60%.3

O gluconato de clorohexidina presente em HiBiClens® é rápido e eficaz na eliminação de um largo espetro de bactérias Gram positivas e Gram negativas, leveduras, fungos e vírus.4

Em 15 segundos, HiBiClens® mata vários organismos Gram positivos e Gram negativos resistentes a alguns dos antibióticos mais usados.5

Em 20 segundos, HiBiClens® é eficaz na inativação do H5N1 (construção do NIBRG-14 da gripe das aves)3 e, em 30 segundos, é inativado o H1N1 (estirpe de VR-333 da gripe A).6

Testado dermatologicamente, HiBiClens®s contém uma mistura de emolientes que o tornam suave para a pele7. HiBiClens® com 4% /v de gluconato de clorohexidina ajuda a suavizar a pele. Reduz a perda de humidade, ajudando a prevenir a pele seca7, mesmo em situações de utilização frequente, necessária para uma lavagem de corpo completa eficaz.8

Os estudos demonstram que os pacientes que tomaram duche com clorohexidina a 4% não apresentaram crescimento bacteriano em 43% dos locais de incisão. Este valor é comparado com apenas 16% com PVPI e uns meros 5% em locais lavados com água e sabão medicado.9

Como funciona

Seguindo estes simples passos, o paciente pode assegurar uma redução do risco de infeção nele próprio e nos outros, antes e durante o internamento hospitalar:

Siga este procedimento para a lavagem completa do corpo.

A Professora Judith Tanner introduz a lavagem de corpo completo

A Mölnlycke Health Care e a Professora Judith Tanner apresentam a lavagem completa de corpo e os resultados do estudo comparativo de dois produtos antissépticos para a lavagem do corpo.

O estudo também foi publicado no Journal of Infection Prevention em 2011.

Leia o artigo completo e veja o vídeo

A Professora Judith Tanner introduz a lavagem de corpo completo

A Professora Judith Tanner introduz a lavagem de corpo completo

Conferência Internacional da Hospital Infection Society (HIS) em Liverpool, Inglaterra, outubro de 2010

11:00 (mm:ss)

Referências

  1. Brote L. 1976. Wound infections in clean an potentially contaminated surgery. Acta Chir Scand. 142: 191-200.
  2. JTanner et al. A fresh look at perioperative body washing. Journal of Infection Prevention. (2012) vol 13 11 – 15 / Molnlycke Healthcare Report REPR0654
  3. Bode LGM et al.; 2010. NEJM. Preventing surgical-site infections in nasal carriers of Staphylococcus aureus. Vol 362; 9-17
  4. Denton, GW; 2001. Chlorhexidine. Capítulo 15 sobre Desinfeção, Esterilização e Conservação. Ed. Block SS. Quinta edição . Lippincott Williams e Wilkins.
  5. Relatório Mölnlycke Health Care REPR0432
  6. Relatório Mölnlycke Health Care REPR0150
  7. Relatório Mölnlycke Health Care REPR0781
  8. Larson EL, Eke PI, Laughon BE. 1986. Efficacy of alcohol-based hand rinses under frequent use conditions. Antimicrobial Agents and Chemotherapy. Vol 30; 542-544
  9. Garibaldi RE et al. 1988. Prevention of intraoperative wound contamination with chlorhexidine shower and scrub. J of Hosp Infec. Vol 11:5-9
Partilhe

Saiba mais sobre a prevenção de infeções

Sistema indicador de perfuração

Graças a uma luva indicadora colorida que é colocada por baixo de uma de...

Luvas de exame isentas de acelerador...

As luvas de exame hipoalergénicas fabricadas sem as substâncias químicas...

Como combater infeções (ILC e IN)

Mais de 1,4 milhões de pessoas, em algum momento da sua vida, sofrem de...

As máscaras cirúrgicas BARRIER® preenchem...

A norma europeia declara que a principal utilização prevista para as máscaras...